A redação no vestibular: um gênero híbrido

Victoria Wilson

Resumo


O artigo tem como objetivo principal elaborar algumas reflexões iniciais sobre a produção do discurso escrito no evento vestibular sob a perspectiva discursiva, com fundamentação em Bakhtin e outros estudos de base sócio-discursiva. Esse interesse relaciona-se à dificuldade que os alunos demonstram ter para compreenderem e elaborarem textos escritos, especialmente em registros mais formais, em áreas do conhecimento e gêneros que se distanciam do cotidiano. Pretende-se considerar as especificidades do contexto e do gênero em questão como elementos articulados aos múltiplos letramentos e às diferentes esferas do conhecimento. Dessa forma, o estudo visa também a trazer à tona discussões sobre conhecimento escolar e a visão escolarizada da escrita.

Palavras-chave


Escrita. Conhecimento escolar. Gêneros discursivos e escolares

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.