O professor de línguas estrangeiras e o seu conhecimento pessoal da prática princípios e metáforas

João A. Telles, Ester Myriam Rojas Osório

Resumo


Baseado em recentes teorias sobre o Conhecimento Pessoal Prático do Professor, este trabalho objetivou descrever as relações entre teoria e prática de sala de aula, percebidas por um grupo de professores de português como língua estrangeira que participaram de um seminário de 30 horas sobre metodologia de ensino e aquisição de língua estrangeira. A grande maioria desses professores não havia tido formação em Letras e o espanhol era a língua nativa da maioria. O seminário foi ministrado pelos dois pesquisadores a um grupo de professores de centros de línguas em um pais de fala espanhola pertencente ao Mercosul. Com uma abordagem etnográfica à pesquisa, os dados foram coletados no final do seminário, através de um questionário de avaliação. Esse instrumento de coleta continha perguntas em aberto a serem respondidas pelos professores. A análise hermenêutica das respostas revelou 5 categorias de princípios e um conjunto de expressões metafóricas pelas quais os professores relacionam os aspectos teóricos discutidos durante o seminário e suas ações da prática pedagógica no ensino de Português como Língua Estrangeira.


Palavras-chave


educação de professores, conhecimento pessoal da prática, teoria x prática, ensino e aprendizagem de segunda língua/língua estrangeira

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.