Configuração do valor de número gramatical em português língua estrangeira: Interlíngua ou problemas intrínsecos da língua portuguesa?

Diocleciano Nhatuve, Tsitsi Roselene Bwetenga

Resumo


Este artigo pretende identificar as estratégias de configuração do valor de número plural no estabelecimento da concordância sintática e verificar a relação entre os desvios e as manifestações das fases de interlíngua. São analisadas estruturas sintáticas desviantesextraídas de textos escritos por aprendizes de Português Língua Estrangeira (PLE) do 2º ano em exames da disciplina de português. Com base numa abordagem mista, o estudo revela que,na concordância nominal, o grupo alvo recorre à marcação do plural apenas nos núcleos, tendência diferente das que foram verificadas no português europeu, brasileiro e africano. A semelhança com estas variedades registra-se na concordância verbal em que igualmente se indica a marca do plural apenas no núcleo nominal. No entanto, o grupo alvo também tende a marcar o plural apenas no verbo em relação com um nome coletivo. Neste âmbito, os desvios registrados até ao segundo ano são, de forma geral, manifestações das fases de interlíngua. 


Palavras-chave


Português língua estrangeira; Concordância sintática; Marcação do número plural; Interlíngua

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.