A semeadura da palavra: fragmentos de poemas campesinos

Lucília Maria Sousa Romão, Soraya Maria Romano Pacífico

Resumo


Neste artigo, analisamos poemas produzidos por sujeitos com baixo grau de escolaridade, a saber, sujeitos que aprenderam a ler e a escrever fora do circuito da educação formal e, apesar disso, seus textos estabelecem um diálogo intertextual com textos consagrados; denunciam situações que estão “fora da ordem” e, também, marcam uma posição de resistência em relação a determinadosvalores caros à classe dominante. A análise destes poemas permite-nos dizer que, apesar da pouca escolaridade, estes sujeitos ocupam a posição de autor e possuem um grau de letramento comparado ao de sujeitos que passaram anos na escola.

Palavras-chave


letramento, autoria, ideologia

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.