O direito à Literatura: dos documentos oficiais às práticas educativas

Andressa Teixeira Pedrosa Zanon, Eliana Crispoim França Luquetti

Resumo


O presente artigo, de cunho bibliográfico, tem como objetivo analisar os documentos oficiais da educação que tratam da Literatura no Ensino Médio, mais especificamente os PCNEM, PCN+ e OCN, para entender como esse conteúdo vem sendo exposto, além de investigar as filiações teóricas e intencionalidades dos documentos. Sabemos que o ensino de Literatura não vem sendo eficaz nas escolas brasileiras, o que resulta em uma formação ineficiente dos jovens, com relação à leitura. Diante disso, é fundamental compreender a importância desse conteúdo para a plena formação dos discentes e tentar encontrar caminhos possíveis para a condução mais efetiva do ensino de Literatura na Educação Básica. Para esse fim, investigamos autores que tratam da relevância do texto literário para a plena formação cidadã, como Candido (2011), Orlandi (1999), Cosson (2006), dentre outros. Assim, investigamos os documentos acima citados e percebemos que os mesmos ainda não são satisfatórios na proposição de um caminho eficiente para o ensino de Literatura na escola.


Palavras-chave


Ensino, Literatura, documentos oficiais

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.