Relendo a relação entre conhecimento enciclopédico e leitura

Niura Maria Fontana, Morgana Rossetti

Resumo


O conhecimento do mundo (enciclopédico) é reconhecidamente um dos fatores que interagem no processo da produção de sentidos de textos. Este artigo1 busca, apoiado em pressupostos cognitivos e sociointeracionais, e com base em dados de pesquisa, compreender melhor a natureza do conhecimento do mundo que o leitor possui arquivado na memória e de sua relação com leitura. Resultando da inter-relação de processos cognitivos e interacionais, o processo da leitura apóia-se em grande parte no conhecimento do mundo do leitor. Um fator que pode facilitar a leitura é a disponibilidade, na estrutura cognitiva de quem lê, de idéias de apoio relevantes, estáveis, claras e suficientemente genéricas, permitindo, no entanto, a discriminação de conceitos. Ao final do artigo são feitas ponderações a respeito da prática da atividade de leitura em sala de aula, de acordo com a perspectiva teórica adotada.

Palavras-chave


conhecimento do mundo; conhecimento enciclopédico; leitura; abordagem cognitiva e sociointeracional

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Qualis: A1 (Letras)

ISSN (impresso):1415-1928

ISSN (digital): 1983-2400

Indexadores: Modern Language Association of America, Cambridge Scientific Abstracts, Latindex, EBSCO Publishing e Linguistics Abstracts.